Bicalho Ortodontia

Ortodontia de Excelência em Brasília

Ortopedia Fixa

A Ortopedia é a área da Ortodontia que tem por objetivo corrigir as relações entre os maxilares, redirecionando o crescimento dos ossos da face. A sua aplicação deve ser realizada em pacientes jovens, uma vez que necessita de crescimento ativo para que seja efetiva. 

Por existir uma posição majoritária na literatura no sentido de que a utilização de aparelhos removíveis produz resultados heterogêneos, porquanto depende da colaboração do paciente em uma faixa etária em que poucos possuem compromisso com o tratamento, nossa clínica opta por utilizar aparelhos ortopédicos fixos. Tal técnica oferece diversas vantagens aos pacientes, dentre as quais podem ser citadas a obtenção de resultados mais previsíveis e satisfatórios e a redução no período de tratamento.

Exemplos de aparelhos ortopédicos fixos empregados em nossa clínica são os expansores palatinos e os aparelhos de protração mandibular. Os primeiros servem para tornar o maxilar superior mais amplo, com o objetivo de evitar extrações, corrigir mordidas cruzadas ou, ainda, tornar o sorriso mais agradável. Seu tempo de atuação gira em torno de seis meses, e depois de removido há a necessidade de se utilizar um aparelho removível como contenção por mais no mínimo seis meses. 

Os aparelhos de protração mandibular, por sua vez, são usados para normalizar as discrepâncias entre o maxilar superior e inferior, tendo como finalidade conduzir a mandíbula para uma posição mais anterior e harmonizar o perfil do paciente. Podem ser utilizados antes ou concomitantemente com a mecânica ortodôntica convencional, e seu período de uso varia de seis meses a um ano.

Em nossa clínica utilizamos os expansores palatinos do tipo Haas como aparelho padrão e, para pacientes com acentuado crescimento vertical, o tipo McNamara. Quanto aos aparelhos protratores mandibulares, temos por costume empregar o aparelho de Herbst em pacientes jovens disfuncionais que apresentam grandes desvios maxilo-mandibulares e risco de trauma dos dentes anteriores superiores, e o aparelho APM / FLF para todos os outros casos nos quais exista uma deficiência de crescimento mandibular que influencie no posicionamento dentário e no perfil dos pacientes.