Bicalho Ortodontia

Ortodontia de Excelência em Brasília

Informações

O que causa os problemas ortodônticos?

Os problemas ortodônticos podem ter várias causas. Geralmente a genética conta bastante, mas fatores ambientais ou maus hábitos também influenciam.

Exemplos de problemas genéticos são os apinhamentos (falta de espaço para acomodar os dentes), diastemas (espaços entre os dentes), protrusões (dentes ou ossos da maxila ou mandíbula muito para a frente), dentes extranumerários (dentes a mais do que os 32 que geneticamente estamos programados para ter), agenesias dentárias (dentes a menos do que os 32 que estamos programados para ter) e problemas com o crescimento mandibular.

Alguns fatores ambientais que podem causar maloclusões são o hábito de sucção do polegar, as diversas doenças que podem acometer os dentes como cárie ou doenças periodontais, traumas que podem levar à perda precoce dos dentes, entre outros fatores.

Por que o tratamento é tão importante?

Dentes tortos ou apinhados são difíceis de higienizar. A mordida incorreta também pode causar desgastes anormais nas superfícies dentárias, dificuldades na mastigação e / ou fonação (fala), perda óssea e recessão gengival. Sem tratamento, muitos problemas se acentuam e podem exigir cuidados adicionais ao longo da vida.

Quando as crianças devem fazer uma avaliação ortodôntica?

A Associação Brasileira de Ortodontia e Ortopedia Facial (ABOR) e a Associação Americana de Ortodontia (AA0) recomenda que seu filho faça uma avaliação ortodôntica o mais tardar aos 7 anos de idade, quando geralmente estará na fase de troca dos dentes anteriores. Antes disso só se houver algum problema específico que justifique. E nesses casos o paciente será indicado ao ortodontista pelo odontopediatra.

Nessa idade, próxima aos 7 anos, os ortodontistas podem diagnosticar problemas com o crescimento da maxila, mandíbula e dos dentes permanentes não irrompidos, enquanto os dentes de leite (decíduos) ainda estão presentes. Isso é importante porque alguns problemas ortodônticos podem ser mais fáceis de corrigir se forem detectados precocemente.

A maioria dos pacientes começa o tratamento corretivo (com aparelho fixo convencional) após a troca dos últimos dentes de leite, por volta dos 12 anos, mas variações podem ocorrer.

 

Quanto tempo leva o tratamento?

O tratamento ortodôntico corretivo, com aparelhos fixos, dura em torno de 24 meses, podendo variar de acordo com o caso. Depois deste período, o paciente permanecerá sob observação periódica durante o período de contenção.

Os adultos podem se beneficiar do tratamento ortodôntico?

O tratamento ortodôntico pode ser bem sucedido em qualquer idade. Na verdade, boa parte dos pacientes ortodônticos hoje tem mais de 18 anos. Graças aos aparelhos fixos estéticos e aos aparelhos linguais, menos visíveis, e aos alinhadores removíveis, mais confortáveis, os adultos estão encontrando um tratamento mais atrativo.

O tratamento ortodôntico se encaixa no meu estilo de vida?

Você pode fazer quase tudo durante o tratamento ortodôntico – cantar, tocar instrumentos musicais, jantar fora, beijar, etc. Alguns ajustes podem ser necessários, mas se você for como a grande maioria dos pacientes adultos, se acostumará rapidamente. Hoje novas técnicas e materiais tornaram o uso de aparelhos ortodônticos mais confortáveis.

Qual é o seu papel no tratamento?

O tratamento ortodôntico é uma parceria entre o ortodontista e paciente. O Ortodontista oferece aparelhos fixos e removíveis feitos sob medida que exercem uma leve pressão para mover os dentes na direção correta. O paciente deve seguir sempre as recomendações do ortodontista, mantendo a frequência às consultas e fazendo uma excelente higiene bucal para obter o melhor resultado.

Quanto custa o tratamento?

O custo do tratamento ortodôntico depende de vários fatores, incluindo a gravidade do problema, a sua complexidade e duração do tratamento. Estamos disponíveis para discutir o custo do tratamento e opções de financiamento antes do tratamento iniciar. Hoje os aparelhos estão mais acessíveis do que anos atrás.

Por quanto tempo devo utilizar as contenções?

Nós iremos recomendar por quanto tempo você irá usar as contenções, sejam elas removíveis (as que você coloca e tira da boca) ou fixas (coladas atrás dos dentes). Usar suas contenções é a melhor forma de evitar que seus dentes se movimentem após o tratamento ortodôntico. Há muitas razões que fazem os dentes se movimentarem após o tratamento ortodôntico. Os dentes não estão inseridos no concreto, eles estão no osso. E como o osso ao redor do dente está mudando continuamente (se desfazendo e sendo refeito) seus dentes podem se deslocar depois que o aparelho for removido. Usando as contenções é mais provável que os dentes permaneçam onde estavam ao final do tratamento.

Que tipos de contenção posso escolher?

Há muitos tipos de modelos tanto para a contenção superior quanto para a inferior. Iremos prescrever contenções personalizadas que serão as melhores para o seu caso. Mas as contenções apenas fazem o seu trabalho se você fizer o seu, usando-as conforme fora instruído.

Porque alguns dentes se movem?

As pequenas mudanças que podem ocorrem depois que seus aparelhos foram removidos acontecem devido a ajustes à medida que você usa seus dentes para mastigar. As mudanças mais sérias e indesejáveis ocorrem devido à genetica e a um crescimento tardio aumentado, o que é imprevisível. O movimento é mais comum nos dentes anteriores inferiores. Isto é particularmente verdadeiro se os dentes eram apinhados antes do tratamento. A mudança na posição dos dentes é um fenômeno natural que ocorre durante toda a vida. A melhor forma de previnir é usar as contenções como prescrito.

As contenções podem ser usadas por muito tempo?

As contenções dentárias estabilizam e preservam o alinhamento dos dentes e dos ossos que foi obtido com o tratamento ortodôntico. Muitas pessoas usam contenções removíveis durante a noite para o resto de suas vidas.

Os dentes sisos provocam movimento dos dentes?

Pesquisas sugerem que os sisos não necessariamente causam o movimento dos dentes. Em muitos casos a remoção dos sisos é feita por razões de ordem de saúde bucal geral e não ortodôntica.

Eu fiz tratamento ortodôntico quando era adolescente e agora que estou adulto meus dentes estão fora do lugar. O que posso fazer?

O fato é que, ao longo de sua vida, mesmo que você tenha feito tratamento ortodôntico, você pode esperar mudanças na posição dos dentes. Muitos fatores atuam juntos para causar o deslocamento dos dentes. Tais mudanças variam de indivíduo para indivíduo e na maior parte do tempo elas são difícies de serem notadas. Mas em certas ocasiões podem ocorrer mudanças desagradáveis tanto para o paciente quanto para o ortodontista. Mudanças na posição dos dentes não são uma falha no tratamento ortodôntico, mas um processo natural. Nós sofremos mudanças no nosso corpo a medida que envelhecemos e os dentes não são exceção. Se você notar uma alteração indesejada no seu sorriso ou mordida consulte seu ortodontista  para mais informações. Um ajuste ortodôntico pode ser necessário para readquirir o alinhamento adequado.

Fonte: Associação Brasileira de Ortodontia e Ortopedia Facial (ABOR) e Associação Americana de Ortodontia (AAO)